e-mail-icon.png

ser-casa, 2018-2020

série - 4 linoleogravuras

A série de linoleogravuras ser-casa teve início em 2018 onde, a partir da pesquisa da representação do corpo humano na História da Arte e a dramaticidade da representação de protagonistas heróicos (históricos, religiosos ou mitológicos), seres humanos dissecados são apresentados sem distinção de gênero, raça ou características estéticas, dentro de um universo simbólico. Essas figuras representadas estão interagindo com pequenas casas que, sendo objetificadas nessa pequena escala, dá a essas cenas uma idéia de investigação deste objeto/símbolo e do próprio ser em si.

Festgrav - Festival de Gravuras do LAB

Laboratório das Artes de Franca

Franca - SP - 2021

3rd Kaunas International Printmaking Biennial

Šiauliai Art Gallery

Šiauliai - Lituânia - 2020

3rd Kaunas International Printmaking Biennial

M. K. Čiurlionis National Art Museum

Kaunas - Lituânia - 2020

Imagens dos trabalhos finalizados da série "ser-casa"

Com a pandemia do coronavírus, onde estamos confinados em nossas próprias casas, as imagens destas gravuras foram ressignificadas. Tendo em vista a atual situação, decidi produzir uma quarta linoleogravura desta série e produzir uma nova estampa com o título ser-casa: janelas I (2020). Esta linoleogravura reúne as quatro imagens onde os seres representados estão contidos em um espaço delimitado - assim como muitos, neste momento, estão confinados em sua casas. Essa sequência de imagens assim dispostas, lado a lado, se assemelha a disposição de janelas, a seres que se avizinham e, mesmo estando próximos, estão ocupados investigando o que têm em mãos.

Mostra Museu: Arte na Quarentena

curadoria Ana Carolina Ralston

​São Paulo - SP - 2021

Julian-Campos-ser-casa-janelas-I.jpeg

Imagens dos trabalhos finalizados da série "ser-casa"